Diário de Viagem: Aracaju

Olá, garotas conectadas! Faz um tempinho que não posto nada por aqui, né?. Minha rotina está uma loucura, mas eu estou de volta com u...


Olá, garotas conectadas!

Faz um tempinho que não posto nada por aqui, né?. Minha rotina está uma loucura, mas eu estou de volta com um post sobre a viagem que fiz para a maravilhosa Aracaju/SE. E eu já vou logo adiantando e dizendo que A-M-E-I conhecer a cidade.




Motivo da viagem

Eu fui para Aracaju para participar de um evento acadêmico que aconteceu por lá, na Faculdade São Luiz de França. Foi a XIII Semana de Letras e o I Seminário Sergipano de Linguística Histórica. No evento, eu apresentei um trabalho referente à pesquisa que venho desenvolvendo no mestrado sobre os grafitos de banheiro. Mas, além de participar do evento, eu fui também para conhecer a cidade, pois eu não sou boba, né.   




♥ Parceiras de aventuras

Eu não fui sozinha para Aracaju, mas em grupo. Fui para lá acompanhada pela Lorena (a Lore Arteira, cujo trabalho artesanal eu já divulguei por aqui), Graci e Elaine. 





♥ Mercado Municipal de Aracaju

Foi no segundo dia de viagem que eu e as meninas tivemos um tempo para sair e conhecer um pouco da cidade. E o primeiro lugar que visitamos foi o famosíssimo Mercado Municipal de Aracaju, que está localizado no Centro da capital sergipana. 

O Mercado é simplesmente um lugar encantador! O espaço é enorme (às vezes, me dava uma sensação de que estava perdida rsrs) e repleto de elementos da cultura sergipana. Dá vontade de comprar tudo! Em cada lojinha do mercado que nós visitamos, pude constatar a beleza e as cores vivas do artesanato produzido por lá. 





Os produtos artesanais do Mercado me fizeram relembrar um pouco da minha infância. Isso porque eu encontrei lá muitos brinquedos com os quais eu já brinquei quando pequena. Brinquedos de madeira que muitas crianças, hoje em dia, nem devem saber como brincar. 

Voltar a esses velhos (não tão velhos assim kkkk) e bons tempos de brincadeiras infantis foi uma sensação deliciosa.  Me senti uma criança quando me deparei com as casinhas de boneca feitas em madeira. Meus olhos brilharam. *_*

A vista na parte superior do Mercado é muito bonita. Nessa parte, é possível termos uma ideia melhor da altura da Torre do Relógio que fica no centro do Mercado. 



Além disso, na parte superior é possível admirarmos a Ponte Aracaju-Barra dos Coqueiros, que liga a capital Aracaju ao município de Barra dos Coqueiros e que foi construída sobre o leito do Rio Sergipe. 




♥ O forrozeiro Boca Louca





Em nossas andanças pelo Mercado Municipal de Aracaju, nos deparamos com o forrozeiro sergipano Boca Louca. Logo de cara, ele nos encantou ao tocar um forrozinho danado de bom em sua sanfona. Foi muito legal conhecer de perto um dos muitos representantes de nossa cultura popular nordestina. 


♥ Restaurante Caçarola


Depois de conhecermos o Mercado e de fazermos nossas compras, nós fomos almoçar no Restaurante Caçarola. Ele está localizado na parte superior do Mercado Municipal de Aracaju. Além da comida deliciosa, o clima do restaurante é super aconchegante, e o atendimento é show de bola. 




Olha só a fofura de um dos espaços do restaurante:





♥ O comércio de Aracaju 

Para quem gosta de comprar coisas boas, bonitas e baratas, Aracaju é o lugar certo. Andando pelo Calçadão de Aracaju, área comercial da capital, pude constatar preços excelentes de roupas e de outros itens.  

Nas Lojas Emmanuele, por exemplo, encontrei uns looks bem legais. Dá só uma olhadinha nos #achadosdaLine:






♥ A Orla de Atalaia

Só na véspera de voltar para casa, nós tivemos a oportunidade de conhecer a famosa Orla de Atalaia. Lá, nós fomos primeiramente ao bar/restaurante Pastel Sol, onde nós degustamos o tão conhecido pastel de caranguejo. 

  



Acredito que de dia a Orla deve ser linda, mas a noite não tirou todo seu charme e encanto. Pelo contrário... Dá só uma olhada em algumas das fotos que tirei por lá:






  

♥ Avaliação final

Uma das muitas coisas que me surpreendeu em Aracaju é o preço das corridas de táxi, que sai super em conta. Para nos deslocar pela cidade, eu e as meninas só fizemos uso de táxis. Só para vocês terem uma ideia, em uma das corridas o valor dividido entre as quatros foi de R$ 2,20 para cada uma. Ou seja, saiu mais barato que o valor da passagem de ônibus aqui em Salvador, que é de R$ 3,30 (um valor mais do que absurdo para uma cidade cujo transporte público apresenta uma qualidade longe do desejado).  

A conclusão a que chego é que quero retornar o mais breve possível para Aracaju. Quero ter a oportunidade de explorar e conhecer os lugares que não tive tempo suficiente para ir.  




Acompanhe o blog nas redes sociais:






Você também pode gostar

4 comentários

  1. Maravilhaaaa!!!! Adorei a viagem também, Line! Deu até fome, só de lembrar do Caçarola. Hahahaha

    Parabéns pelo post *-*

    ResponderExcluir
  2. Hahahaha Pior que dá fome mesmo, Lore.
    Que bom que você gostou do post! ^_^

    ResponderExcluir
  3. Ebaaaaa <3 Sou de Nossa Senhora da Glória e sempre gosto de ir para aracaju♥ Realmente é tudo maravilhoso♥
    Parabéns pelo post *-*
    http://blog--dagabrielarodrigues.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Gabriela!
      Eu amei conhecer Aracaju. O lugar é divino e espero voltar lá. :-)

      Excluir